sábado, 26 de outubro de 2013

Como é ser Gay?

Achei ótimo este vídeo de humor “Parafernalha”. Desta vez, o canal contou com a par­ti­ci­pa­ção do Deputado Jean Wyllys do (PSOL do Rio de Janeiro). O vídeo retrata alguns dos vários preconceitos ainda existentes na sociedade rela­ci­o­na­dos à Comunidade LGBT. Confira!

O que está faltando por aqui?

Enquanto autores e diretores de novelas por aqui, firmam em dizer que talvez não seja o momento certo, por causa de facções religiosas e sociais, que as famílias brasileiras ainda não estão preparadas, etc e blá blá blá, blá blá blá, no país vizinho aconteceu o que tanto aguardamos por nas telinhas daqui... Foi no dia 02 de Agosto, na Argentina, que saiu o primeiro beijo gay protagonizado pelos atores Benjamin Vicunã e Julio Chávez, na novela "Os Farsantes" apresentada. pelo Canal 13, El Trece no horário nobre. Foi uma grande repercussão no país, cuja a trama tem recebido criticas positivas da imprensa local. A o assistir o vídeo, uma grande surpresa pra mim; Caetano Veloso cantando como fundo musical.
Afinal, o que está faltando por aqui a não ser que o ato em si, o gesto simples seja mostrado na sua  mais absoluta naturalidade, mesmo muita gente achando nada natural?

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Tudo dói.

Certas coisas dentro e mim, por vezes me deixam louco; louco de paixão, de surpresa, de tristeza, de cansaço e eu não sei o que fazer a não ser vagar por mim mesmo sem respostas, pular por entre nuvens de incertezas. Por que às vezes, amar dói, sofrer dói, viver dói, sorrir dói, meu gestos, o corpo inteiro todo dói como a composição de Luiz Tatit.

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Concerto de Cordas e Maquinas de Ritmos.

Dois dias de folga juntos, me deram cinco dias em casa para fazer o que me desse na telha, fazer o que eu quisesse fazer, pois nada planejei e até havia esquecido destas folgas. E sabe o que eu pensei em fazer?... Eu não sabia, mas assim mesmo fiquei em casa, organizando bagunças acumulada de meses, limpando armários, assistindo filmes na TV e procurando coisas na Internet, que gosto de ver e então encontrei o Show de Joyce Moreno em homenagem ao poeta maldito Sidney Miller e também o de Gilberto Gil chamado Concerto de cordas e máquinas de ritmo, que achei igualmente bom. Alias, tudo que vem de Gil, me agrada muito.


Eu precisava disto; me reorganizar sob os dois sentidos, o doméstico e o emocional. Percebi que ando naquela fase como a musica do Zeca Baleiro, (que qualquer beijo de novela me faz chorar..)
Assisti cinco vezes o espetáculo em vídeo que foi Gravado no Teatro Municipal no Rio de Janeiro, em maio de 2012,  com produção musical do respeitadíssimo maestro Jaques Morelembaum e direção de imagem de Andrucha Waddington. O repertório contém 24 obras, como "Eu Vim da Bahia", "Futurível", "Domingo no Parque", "Expresso 2222" e a inédita "Eu Descobri"Gostei também da musica que inicia o show "Maquinas de Ritmos" e a conhecida "Oriente" que acompanhada pela orquestra, lhe deu uma roupagem diferente da original. O espetáculo é um conceito rítmico de máquinas eletrônicas, um encontro entre o moderno e o antigo, entre o pop e o regional, uma ousada e original investida de Gil, que deu certo.

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

UMA EXPERIENCIA AS ESCURAS EM PARIS.


Quer saber de uma experiencia unica e muito diferente em Paris? Jantar no "Dans le Noir", que significa, "No Escuro". É, Isto mesmo, trata-se de um restaurante onde o jantar é servido no absoluto escuro, estimulando o olfato e o paladar de clientes que lá chegam afim de experimentar esta diferente experiencia.
Antes de entrar no restaurante, cada cliente deve desligar o telefone celular, câmera fotográfica, isqueiro, relógio…(que são guardados num armário com cadeados) porque nenhuma fonte de luz é aceita na sala de jantar. 
Os clientes são guiados às suas mesas por garçons cegos. Uma vez instalados, todos são convidados a desfrutar do conceito sensorial e a descobrir gradualmente texturas e formas surpreendentes do menu surpresa.


O restaurante, situado no bairro de Les Halles, próximo ao Centro Georges Pompidou, tem por objetivo, segundo seu proprietário, um ex-banqueiro e consultor em marketing social, fazer com que as pessoas vivam, por algumas horas, momentos do dia-a-dia de um cego.
Apesar da experiencia inusitada causar um fluxo grande de curiosos, que procuram o restaurante, muita gente se sente mal, alegando que a visão, é fundamental na complementação do paladar  e do olfato, já que também comemos com os olhos né mesmo?.

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Norma e Leila rompendo tabus.

O Brasil perdeu nesta semana a grande atriz Norma Bengell, responsável por causar um grande escândalo na sociedade brasileira nos anos 60, ao aparecer nas telas do cinema completamente nua, num período em que o nu frontal era uma algo proibitiva na filmografia nacional.
O filme "Os Cafajestes" é de 1962, escrito e dirigido por Ruy Gerra e indicado ao Urso de Ouro em Berlin, conta a historia de um jovem rico e muito mimado, que ao ver seu pai indo à falência, organiza um plano para reverter a situação. Ele consegue um cúmplice para armar um flagrante do tio rico com uma mulher. O objetivo era tirar fotos e tentar ganhar dinheiro através de uma chantagem.
A façanha em mostra-se como veio ao mundo, fez de Normal a primeira atriz brasileira a se apresentar completamente  nua diante de uma câmera, rendendo todos os tipos de comentários moralistas da época.
Norma Bengell morreu na madrugada desta quarta-feira - 09, vítima de problemas respiratórios causados por um câncer no pulmão esquerdo, que nunca quis tratar. Ela estava internada em um hospital do Rio de Janeiro, quando veio a falecer.
Uma pergunta que eu me faço é se ela sabia que criaria tanta polemica social a cerca de sua nudez, sendo a primeira atriz brasileira a romper com este tabu. Por que às vezes não temos a minima noção do que nossas atitudes são capazes de provocar e futuramente se transformarem num marco histórico cultural.  Será que Leila Diniz também tinha alguma consciência disto a o desfilar gravida de biquíni na praia de Ipanema?
Ora, Leila desfilou sua exuberante barriga nos anos 70, numa época que a lei dizia o seguinte: Não serão toleradas as publicações e exteriorizações contrárias à moral e aos bons costumes - (decreto lei n. 1077 de 26/01/1970). Hoje são outros tempos e é comum ver mulheres gravidas, ostentando suas barrigas em biquínis cavadíssimos na praia, sem nenhum problema. Que bom que o tempo passa para tempos melhores!

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Izabel Padovani.

Minha mais recente paixão está nas mãos ou melhor dizendo, na voz de Izabel Padovani, cantora paulista de voz delicada, firme e grande musicalidade. Conheci Izabel em Poro Alegre, onde dividia o palco com outras duas cantoras: Ná Ozete e Monica Salmaso, em Outubro de 2011 no salão de Atos da UFRGS, no projeto cultural chamado "Duos Brasileiros".
Izabel Padovani, é dona de uma voz afinadíssima e firme; Talvez não seja tão popular do publico em geral que preferem as cantoras da mídia, mas seu trabalho e a representação de um significativo expoente da cultura musical brasileira por vezes deixado de lado pelos modismos musicais. Posso dizer que Izabel é uma referencia pontual na musicalidade contemporânea. Seu ultimo CD, chamado Mosaico com arranjos de Ronaldo saggiorato, Luis Passos na guitarra e bandolim, Ronaldo saggiorato violão, baixo e programação eletrônica, Deni Pontes na percurssão, Paulo Freire na viola e Rafael dos Santos no piano, é uma preciosidade.
Seus trabalhos anteriores foram: Desassossego em 2006, TONS Bass&voice/2005, HEIN?/2000, MAR&BE/1995
Participações especiais em JAZZ bei RALF - 2005 DAS WIENERLIEDFESTIVAL - vol 2 - 2002
com Thomas gansch, RUMOS ITAÚ CULTURAL MÚSICA - 2008, 12 DVDs - 58 artistas brasileiros.
Nos Sites aabixo, voce pode ter uma palhinha de seu trabalho:

Unir, somar, dividir..

Mais uma foto que eu vejo e me faz questionar sobre relações amorosas: Quantas pessoas existem sistematicamente neste mundo, com interesse em dividir sua intimidade com outra pessoa? Dividir a cama, o guarda roupas, o banheiro, as alegrias, as tristezas? Muitas ou poucas? Engraçado, mas quando olho pra esta fotografia, eu não penso em divisão, mas em união e chego a conclusão que as duas palavras neste contexto louco tem o mesmo significado. E afinal, unir é somar e também dividir? Que complexo este raciocínio que me invade agora. Mas antes de surtar de vez, devo dizer que a foto é transgressora, é bonita e eu não tenho a menor duvida sobre isto. Constato no meu dia a dia, muita gente querendo unir mas sem subtrair, dividir, criando um mecanismo incompressível e sem lógica, uma matemática estranha que não chega a nenhum resultado.

quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Renovação da imagem.

Uma parte de mim é assim, absurdamente simbólica, suspeita, pois preciso criar ou modificar algo em minha aparência, alterar minha auto imagem, para demarcar o final e consequentemente o inicio de uma outra fase emocional a que me proponho . Esta atitude me parece reforçar o up, me deixar claro onde uma fase terminou e a outra começou. Uma fronteira, certo?. Um corte diferente de cabelo, deixar crescer ou mesmo raspar a barba, me cria esta sensação de renovação não só no externo, mas também interiormente. Vi esta foto que postei aí em cima e lembrei disto, desses pequenos recursos que costumo utilizar (e acho que não só eu..) para retornar a o equilíbrio pessoal e assim me sentir melhor com a vida, com as pessoas e comigo mesmo. Que venha o novo!

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Quem não é visto...

Não, eu não sou rancoroso, apenas utilizo de algumas  técnicas simples para evitar sofrimentos futuros, mesmo que isto pareça uma bobagem. 
Existe uma frase que eu não sei de onde surgiu e que diz o seguinte: "Quem não é visto não é lembrado" E isto serve para os dois lados, não somente para quem aperta a tecla.

O que nos separa das pessoas.

Num determinado momento percebemos que alguns lugares não é o nosso lugar e isto, mesmo que não saibamos à principio, nos custa uma certa angustia até nos darmos por conta, mas nos favorece no sentido de que futuramente não nos comprometermos desnecessariamente, quando então percebermos. Tic, tac, tic tac.
Que bom perceber estas diferenças agora, por que o que nos separas das pessoas é um avião, um oceano, outros planos e muitos enganos.

Você também pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...